Os primeiros graduados do Programa Técnico Cidade Olímpica

No mês de março, a Cisco comemorou e homenageou com parceiros mais de 200 jovens do Rio de Janeiro que concluíram o primeiro curso de redes do Programa Técnico da Cidade Olímpica. Uma iniciativa de qualificação desenvolvida pela Cisco em parceria com a Secretaria de Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro (SECT) e o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016 por meio do Programa de Sustentabilidade “Abraça Capacitação”, envolvendo mais de 1.200 horas de treinamento presencial em sala de aula. Mais de 221 graduados do programa foram preparados para trabalhar com parceiros de tecnologia do Rio 2016 durante os Jogos Olímpicos ou para entrar no mercado de trabalho na área de TI. Muitos estudantes já começaram a trabalhar.

O Programa Técnico da Cidade Olímpica é parte de uma iniciativa maior para construir um legado social duradouro para a cidade do Rio de Janeiro, como parte do apoio da Cisco aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Rio 2016. Ele foi projetado para melhorar a integração com o mercado de trabalho de TI - além da geração de renda para jovens de comunidades do Rio de Janeiro. As aulas foram realizadas nas oito Naves do Conhecimento em todo o Rio e aproveitaram a tecnologia de infraestrutura, conectividade e colaboração da Cisco. A Nave do Conhecimento em Triagem é o maior laboratório da Cisco Networking Academy no Brasil, com o objetivo de facilitar o acesso à informação e contribuir para a inclusão social através da conectividade e do uso de novas tecnologias.

"A tecnologia é uma área com várias possibilidades de desenvolvimento de carreira e os profissionais deste setor estão muito requisitados pelo mercado, principalmente com a chegada de um evento com a proporção dos Jogos ", disse Rodrigo Uchoa, Diretor de Novos Negócios e Coordenador do projeto Rio 2016 na Cisco. "Queremos transformar a vida das pessoas e as cidades por onde passamos, compartilhando conhecimento e promovendo a inclusão por meio da tecnologia."

Centenas de pessoas participaram da primeira cerimônia de formatura do programa, que foi realizada no dia 22 de março no Rio de Janeiro.

O Girls Power Tech faz parte do Girls in ICT Day, uma iniciativa global da ITU (International Telecommunication Union) criada para sensibilizar as jovens em torno da importância de aumentar a presença das mulheres no mercado da tecnologia.