Já tem uma conta?

  •   Conteúdo personalizado
  •   Produtos e suporte

Ainda não tem uma conta?

Criar conta

Cisco é nomeada visionária de AMP para Endpoints no Quadrante Mágico do Gartner para Plataformas de Proteção para Endpoints 2018

O Gartner nomeou a Cisco visionária de AMP para Endpoints no Quadrante Mágico de Plataformas de Segurança para Endpoint (EPP) em Janeiro de 2018. A Cisco tem orgulho de ser incluída neste relatório e honrada em receber o reconhecimento de uma das avaliações mais influentes sobre soluções de segurança para Endpoint. Essa é a primeira vez que a Cisco estreia no quadrante dos visionários e, essa nomeação é testemunho acerca da inovação, execução e comprometimento da empresa com a segurança para o Endpoint.

Observações importantes:

- Essa é a primeira inclusão da Cisco no Quadrante Mágico do Gartner para Proteção de Plataformas de Endpoint. Contamos com a participação da empresa em mais relatórios públicos da indústria em um futuro próximo.
- De acordo com o Gartner, “Esse é um período de transformação para o mercado de EPP, e assim como o mercado está mudando, a análise utilizada nesta pesquisa também”.

Falando em evolução, proteção de endpoint é agora uma mescla de fornecedores de anti-vírus e de proteção e detecção e resposta (EDR) que oferecem capacidades de EPP, porém empresas como a Cisco apresenta uma abordagem mais abrangente para a segurança de endpoint com um componente crítico para sua estratégia geral de segurança.

A segurança do endpoint está mudando cada vez mais de modelos mais antigos de AV para uma abordagem de plataforma, fornecendo recursos de proteção e detecção e resposta (EDR) em uma única solução. A Cisco foi classificada como visionária e isso reflete o compromisso em fornecer uma solução única e completa.

Perspectiva dessa conquista

Esse foi o primeiro ano da participação da Cisco no Quadrante Mágico para EPP e não será nosso último. Esse nada mais é que o ano mais recente de um investimento crescente e contínuo em segurança de endpoint e na mudança da equação de segurança por meio da integração de tecnologias e inovação. A inclusão da Cisco como visionária reforça a crescente importância de uma arquitetura de segurança integrada, seja na nuvem para a rede até o o endpoint onde continuamente optimizamos o tempo de detecção e prevenção de incidentes.