Arquivo de Notícias 2014

Cisco expande a plataforma de TV Videoscape à Cloud

Esta novidade permite aos fornecedores lançar novos serviços de vídeo

Durante o Consumer Electronic Show 2014 (CES 2014), a Cisco deu a conhecer a sua última visão da Internet of Everything através de várias atividades e eventos, todos eles com o objetivo de demonstrar o que acontece quando se ligam à rede pessoas, processos, dados e objetos. Este foi o tema principal no qual se centrou a apresentação de John Chambers, Presidente e CEO da Cisco,  além da atualização da plataforma Videoscape TV que agora inclui novas capacidades de vídeo na cloud e a sua oferta “as-a-service”. Em concreto, esta solução facilita os novos comportamentos dos utilizadores em relação ao vídeo, tais como a utilização de um segundo ecrã, o vídeo 4K e também uma maior personalização que permite contemplar e partilhar qualquer conteúdo em múltiplos dispositivos. Estas melhorias ajudam os fornecedores de serviços de vídeo e as empresas de meios a agilizar a implementação de novos serviços, reduzindo os seus custos operativos.

A Cisco fornecerá a sua solução Videoscape na cloud à NBC para a transmissão dos próximos Jogos Olímpicos de Inverno, a ter lugar em Sochi, na Rússia.

As novas capacidades da Videoscape incluem:

  • Um novo software adaptado à cloud: permite aos clientes da Cisco implementar novas aplicações de video-on-demand em tempo recorde e adaptá-las em seguida de forma fácil e automática, poupando meses e até anos em tarefas de planeamento e implementação, o que se repercute numa redução dos custos operativos.
  • Capacidades oferecidas “as-a-service: ao utilizar o mesmo software e APIs que as anteriores soluções de Videoscape, as suas novas aplicações na cloud podem ser compradas “as-a-service” à Cisco através de um modelo baseado no consumo realizado. Este enfoque permite que as empresas complementem as infraestruturas existentes e ofereçam uma nova experiência aos consumidores sem a necessidade de criar, codificar e integrar novas capacidades.
  • Compatibilidade: A Videoscape pode ser adaptada às necessidades de cada cliente, de forma a desenvolver as suas infraestruturas cloud de acordo com os seus critérios, sem que isso implique substituições dispendiosas.
  • Base UX aberta de Videoscape (Videoscape Open UX Foundation): Este software melhora a funcionalidade e rendimento dos gateways, das set-top boxes e dos dispositivos conectados que se executam em aplicações HTML 5. O HTML 5 é, de resto, um componente chave dos sistemas de vídeo baseados na cloud e a Base UX aberta melhora as infraestruturas HTML 5 fazendo com que seja mais rápido e fácil para os fornecedores de serviços e empresas de meios implementar serviços de vídeo atrativos a partir da cloud

Joe Cozzolino, Vice Presidente Sénior e Diretor Geral de Service Provider Video Infrastructure da Cisco: “A Videoscape lidera a indústria graças ao facto de ser capaz de oferecer uma boa experiência no consumo de vídeo. Com as novas capacidades da Videoscape na cloud, os nossos clientes contam agora com duas formas de implementar funcionalidades e fazer chegar os serviços de vídeo ao mercado mais rápido do que nunca. Além disso, a nossa estratégia Cisco Fusion permite aos clientes combinar e adaptar opções de implementação que fazem crescer as suas receitas ao mesmo tempo que reduzem os seus gastos gerais de implementação”.

Conte connosco

  • Ligue grátis 800 880 456
  • Dias úteis, 9h-13h e 14h-18h
Partilhar