Comunicado de Imprensa, 11 Dezembro 2009

Cisco desafia trabalhadores para contribuírem com 200,000 horas em trabalho de voluntariado (59KB)

A Cisco celebrou o seu 25º aniversário apelando para o trabalho de voluntariado. O Presidente e CEO da empresa, John Chambers, lançou um desafio a todos os trabalhadores da Cisco para que estes dedicassem quatro horas em trabalho de voluntariado nas respectivas comunidades locais. O objectivo do Presidente desta empresa é o de conseguir angariar 200,000 horas totais em trabalho de voluntariado por parte dos trabalhadores, o que equivalerá aproximadamente a 25 anos de serviço a favor da comunidade global.

Nas palavras de Chambers "Não vejo melhor forma de festejar os 25 anos da Cisco do que empregando o talento e a energia dos nossos trabalhadores em serviço comunitário”. “Ajudar as pessoas a envolverem-se e a colaborarem é uma prioridade não apenas para o nosso negócio como também, na verdade, é uma prioridade inerente aos nossos valores".

A Cisco foi criada a 10 de Dezembro de 1984 pelo casal Len Bosack e Sandy Lerner, ambos investigadores na Universidade de Stanford cujos esforços no sentido de possibilitar a troca de emails entre os seus computadores alojados em redes diferentes levaram à invenção do primeiro router multiprotocolo. Este foi um passo decisivo que impulsionou o crescimento da Internet.

Nos últimos 25 anos, a Cisco teve um papel crucial ao facilitar a profunda mudança que a Internet teve no mundo. Assente numa infra-estrutura de rede fixa, a Internet transformou o mundo dos negócios, impulsionou o crescimento económico e a produtividade e colocou pessoas de todo o mundo em contacto umas com as outras.

Ainda segundo Chambers, "No próximo quarto de século, as redes de comunicação vão tornar-se ainda mais importantes enquanto drivers de crescimento, de inovação e de produtividade em sectores como a saúde, a educação e a energia. Com os olhos postos no futuro, a Cisco encontra-se neste momento na posição de liderar a evolução da rede de modo a permitir um "futuro ligado" que será, cada vez mais, de colaboração, assente no vídeo, personalizado e móvel".

Vinte e cinco anos, aproximadamente 7,000 patentes e quase 1 milhão de horas de voluntariado mais tarde, a Cisco é, hoje, o líder mundial em tecnologias de rede que tanto contribuem para a mudança no modo de trabalho no mundo, bem como no modo de vida, de lazer e de educação. A dedicação desta empresa à inovação, aos clientes e ao giving-back têm sido os factores-chave no sucesso da Cisco ao longo dos anos – e serão estes vectores que guiarão a empresa na sua missão de desenhar o futuro da Internet, gerando valor e oportunidades sem precedentes para os clientes, para os trabalhadores, para os investidores e para os parceiros do ecossistema.

Durante o evento interno de celebração dos 25 anos a Cisco Portugal foi uma das 9 localidades que acompanharam ao vivo o evento. De Portugal para cerca de 22,000 participantes, a Cisco Portugal Band, composta por 6 colaboradores da subsidiária portuguesa cantou "One Cisco", musica e letra da sua autoria que tornou a Banda uma das 3 finalistas entre cerca de 300 concorrentes num concurso interno que a empresa promoveu durante o mês de Novembro.

Destaques / Factos:

  • Há 250 anos atrás, a Internet contava com apenas 1,000 “visitantes”; hoje, contam-se mais de 1.7 bilhões de utilizadores a nível mundial;
  • Em 1984 existiam 1,000 dispositivos de Internet; nos dias de hoje, existem mais de mil milhões;
  • De 1984 até aos dias de hoje, a Cisco passou de uma pequena empresa com dois empregados e apenas um produto, para uma empresa que emprega mais de 63,000 pessoas instaladas em 200 escritórios espalhados por todo o mundo, com 50 linhas de produção diferentes;
  • Há 25 anos que a Cisco tem estado na linha da frente no que respeita às tecnologias de informação tendo realizado, no ano fiscal de 2009, receitas no valor de 36.1 mil milhões de dólares;
  • A capacidade de inovação da Cisco é comprovada pelas mais de 7,000 patentes registadas em todo o mundo a favor dos seus criativos e 9,000 pedidos de patente ainda pendentes;
  • Os trabalhadores da Cisco registaram cerca de 1 milhão de horas em serviço de voluntariado desde o ano de 2001;
  • Enquanto cidadão corporativo mundial, a Cisco contribuiu, nos últimos 10 anos, com mais de mil milhões de dólares em educação, inserção social e iniciativas de desenvolvimento económico globais.

Ver mais notícias