Voz : Sinalização de telefonia

Personalização E1 R2 com o Comando cas-custom

2 Abril 2008 - Tradução Manual
Outras Versões: Versão em PDFpdf | Tradução por Computador (29 Julho 2013) | Inglês (2 Fevereiro 2006) | Feedback


Índice

Introdução
Pré-requisitos
     Requisitos
     Componentes Usados
     Convenções
Personalização do E1 R2
Discussões relacionadas da comunidade de suporte da Cisco
Informações Relacionadas

Introdução

O comando cas-custom sob o controlador E1 é utilizado para personalizar as variantes de país E1 R2 e os parâmetros de sinalização associada a canal (CAS). Este documento deve ser utilizado conjuntamente com os documentos Teoria de Sinalização E1 R2 e Solução de Problemas e Configuração E1 R2.

Pré-requisitos

Requisitos

Não existem requisitos específicos para este documento.

Componentes Usados

Este documento não está restrito às versões específicas de software e de hardware. Entretanto, as informações neste documento foram testadas com o router Cisco 3640 e o Cisco IOS® Software Release 12.2(26).

Convenções

Consulte Convenções de Dicas Técnicas da Cisco para obter mais informações sobres as convenções de documentos.

Personalização do E1 R2

Os subcomandos sob o comando cas-custom são utilizados para acomodar as variantes de país e personalizar os parâmetros de sinalização associada a canal (CAS).

Esta seqüência de comando ilustra como podem ser visualizadas todas as cas-custom opções de subcomandos:

E1R2Router(config)#controller E1 0
E1R2Router(config-controller)#ds0-group 1 timeslots 2 type r2-digital r2-compelled ani
E1R2Router(config-controller)#cas-custom 1
E1R2Router(config-ctrl-cas)#?
CAS custom commands:
  alert-wait-time      Time to wait for alert indication for incoming R2 calls
  ani-digits           Expected number of ANI digits
  ani-timeout          Timeout for ANI digits
  answer-guard-time    Wait Between Group-B Answer Signal And Line Answer
  answer-signal        Answer signal to be used
  caller-digits        Digits to be collected before requesting CallerID
  category             Category signal
  country              Country Name
  debounce-time        Debounce Timer
  default              Set a command to its defaults
  disconnect-tone      Provide tone to the calling party after sending group B
  dnis-complete        Send I-15 after DNIS digits for dial-out
  dnis-digits          Expected number of DNIS digits
  exit                 Exit from cas custom mode
  groupa-callerid-end  Send Group-A Caller ID End
  invert-abcd          invert the ABCD bits before tx and after rx
  kA                   kA Signal
  kd                   KD Signal
  metering             R2 network is sending metering signal
  nc-congestion        Non Compelled Congestion signal
  no                   Negate a command or set its defaults
  proceed-to-send      Suppress proceed-to-send signal for pulsed line signaling
  release-ack          Send Release Acknowledgment to Clear Forward
  release-guard-time   Release Guard Timer
  request-category     DNIS Digits to be collected before requesting category
  seizure-ack-time     Seizure to Acknowledge timer
  signal-end-to-end    Transfer R2 Category and Answer signals end-to-end
  timer                configure timer
  trunk-group          Configure interface to be in a trunk group
  unused-abcd          Unused ABCD bit values

O comando ds0-group 1 timeslots 2 type r2-digital r2-compelled ani deve ser utilizado inicialmente apenas para criar o ds0-group. O comando cas-custom com número de grupo pode ser utilizado sempre que necessário para personalizar um grupo.

A Cisco recomenda que você primeiro configure o parâmetro country country name use-default para definir todos os parâmetros relacionados de acordo com o país suportado. Utilize os outros subcomandos cas-custom para uma maior personalização, necessária para acomodar um switch ou uma central telefônica privada (PBX).

Observação: A flexibilidade de personalização dos parâmetros de CAS pode aumentar a margem de erros do usuário. A personalização deve ser inserida após a seleção do país ou após os parâmetros de CAS serem retornados para o padrão. Neste exemplo, a última instrução retorna todos os parâmetros de CAS para Brazil, o que anula o comando caller-digits 4:

(config-controller)#cas-custom 1
(config-ctrl-cas)#country brazil use-default
(config-ctrl-cas)#caller-digits 4
(config-ctrl-cas)#country brazil use-default
         

Agora que você sabe como visualizar os parâmetros do comando cas-custom, veja como a tabela a seguir detalha esses parâmetros e suas respectivas funções.

Parâmetro de Comando

Descrição

ani-digits min 0-64 max 0-64

Se o router não receber o número mínimo de dígitos de identificação automática de número (ANI), ele limpará a chamada. Após o router coletar o número máximo de dígitos de ANI, ele envia a extremidade do identificador de chamadas e não espera pelo sinal do grupo de encaminhamento I-15.

ani-timeout 1-15 seconds

O last-tone-timeout padrão é de três segundos. Alguns switches levam mais de três segundos para pulsar dígitos de ANI. Portanto, isto pode ser configurado. Se o router expirar enquanto aguarda os dígitos de ANI e abortar a chamada, aumente esse argumento de temporizador.

caller-digits 1-64

O padrão da União Internacional de Telecomunicações (ITU) é 1. Isto significa que o router requer ANI após receber o primeiro dígito do DNIS.

groupa-callerid-end

Países como China, Tailândia e México utilizam sinais de Group-C para coleta de ANI. Se isto não estiver configurado, o router utilizará o sinal inverso Group-A-1 como a extremidade do identificador de chamadas. Se isto não estiver configurado, o router utilizará o padrão do país, que pode ser um sinal Group-C.

kA 1-15

Isto é usado na China. Esta é a categoria de quem faz a chamada enviada em resposta ao sinal Group-A-6 invertido. Para chamadas recebidas, o router coleta o valor de kA. Para chamadas efetuadas, o router envia o kA, se configurado. Do contrário, o router envia a categoria padrão do país.

kd 1-15

Isto é usado na China. Esta é a categoria enviada em resposta ao sinal invertido Group-A-3. Para chamadas recebidas, o router coleta o valor de kd. Para chamadas efetuadas, o router envia o kd, se configurado. Do contrário, ele envia a categoria padrão do país.

dnis-digits min 1 max 1-64

Se o router não souber o número de dígitos DNIS antecipadamente, ele precisará confiar em um mecanismo de expiração (três segundos) para detectar a extremidade do DNIS. A configuração de max acelera o tempo de configuração da chamada em três segundos.

dnis-complete

Envia o sinal de encaminhamento Group-I-15 após discar todos os dígitos de DNIS. Eficiente apenas para chamadas realizadas. Configure este item se o switch necessitar ou se isto melhorar a chamada em três segundos. O parâmetro dnis-complete é um requisito no lado do switch. Por exemplo, nas Filipinas, se o sinal de encaminhamento Group-I-15 não for enviado, as chamadas efetuadas não serão concluídas. Este é o motivo da implementação.

answer-signal {group-a | group-b} 1-15

Por padrão, o router envia o sinal invertido Group-A-3 (endereço completo, mudança para Group-B) após a coleta do DNIS/ANI. Quando um switch envia a categoria Group-II, o router envia um sinal de resposta Group-B e se conecta. Se o sinal de resposta Group-A (A-6) estiver configurado, o router não enviará A-3 após a coleta de endereço. O A-6 é enviado então há a conexão.

request-category 1-64

Se isto estiver configurado, o router solicitará a categoria após coletar o número de "categoria de solicitação" de dígitos de DNIS somente para chamadas recebidas. Se este parâmetro não estiver configurado, o router solicitará a categoria apenas após a coleta de endereço enviando o sinal invertido Group-A-3.

category 1-15

Especifica o tipo de chamada (assinante com prioridade ou assinante normal). O padrão de ITU é 1 (assinante normal). Para chamadas efetuadas, o router envia esta categoria. Se ela não estiver configurada, o router enviará a categoria padrão do país. Para chamadas recebidas, o router coleta a categoria do switch. Não é necessário nenhum tratamento especial com base na categoria.

NC-congestion 1-15

Este é o sinal de congestão inverso Group-B para sinalização não forçada. Se isto não estiver configurado, o router utilizará o sinal padrão inverso Group-B-4.

country use-defaults

Sempre inicie a configuração com o parâmetro country use-defaults. Isto carrega os sinais de registro padrão para o país. Depois é possível personalizar com base no switch após o carregamento dos sinais de registro.

answer-guard-time 1-1000 msecs

Esta é a espera entre o router e envia o sinal invertido de resposta de registro Group-(B1 ou B6) e a linha ANSWER (01). O padrão é 1 segundo. Se ocorrerem Ring No Answers (RNAs, que são chamadas com falha na etapa de sinalização) durante a espera ou se você desejar acelerar o tempo de configuração, diminua o temporizador.

debounce-time 10-40 msecs

Qualquer alteração de sinalização de linha é considerada válida apenas se ela tiver uma duração pelo menos deste temporizador. O padrão é 2000 para saudação e 6000 ms para espera. Sintonize isto com base no switch.

release-guard-time 1-2000 msecs

O router inicia o temporizador no recebimento do sinal claro encaminhado do switch. Ele envia então o sinal ocioso na expiração do temporizador. O padrão é dois segundos. Corresponda o temporizador à configuração do switch.

seizure-ack-time 2-100 msecs

Este é o retardo entre o router que recebe a captura e envia o reconhecimento da captura (ACK). Este temporizador pode ser configurado apenas no AS5200s e AS5300s. No AS5800s, não há retardo. Execute este ajuste com base nos requisitos do switch.

metering

Os sinais de medição são sinais de pulso transmitidos inversamente durante a chamada do ponto de carregamento da chamada para o medidor de chamada do assinante na troca de origem. Este pulso pode ser um "clear-back pulsado" (01 a 11 e retorno) ou uma "resposta pulsada" (11 a 01 e retorno). Para evitar confusão com os sinais de medição, o sinal clear-back não é permitido. Se a medição estiver ativada, o router enviará uma Liberação Forçada (00) em vez de Clear-Back (11).

invert-abcd 0|1 0|1 0|1 0|1

Inverta os bits de status ABCD na grade de programação 16 antes de TX e depois de rx. Se o bit A for definido como 1, o router inverterá o bit antes de transmiti-lo e depois de seu recebimento. Por exemplo, invert-abcd 1 0 0 0 faz com que apenas o bit A seja invertido.

unused-abcd 0|1 0|1 0|1 0|1

A sinalização R2 utilize apenas bits de status A,B. Este comando define os bits C,D não utilizados. Os bits C,D não usados padrão para todos os países exceto a China é 01. Para a China, os bits C,D são 11.

release-ack

Se isto estiver configurado, o router envia ACK (11) para o recebimento do sinal claro encaminhado do switch. Atualmente não suportado no AS5800. Originalmente implementado para Malta.

proceed-to-send

Sinalização de linha pulsada (S-7) executa ACK na captura com um sinal proceed-to-send (pulso de 150 ms). Uma variante desta sinalização por links de satélite não utiliza este sinal. Se isto estiver configurado, o router não executará ACK na captura para as chamadas recebidas e não esperará o ACK das chamadas efetuadas. Isto afeta apenas as chamas de sinalização de linha pulsada. Não suportado em AS5800 ainda.

Observação:  kA e kd são categorias. A China possui sinais group-k. O parâmetro kA é enviado antes, em resposta ao Group-A-6 invertido (solicitação de categoria de quem efetua a chamada). kd é enviado em resposta ao Group-A-3 invertido (endereço concluído). Estes dois podem potencialmente ser diferentes para a China. Para outros países, a mesma categoria é enviada para ambas as solicitações.

Para obter mais informações sobre Opções de País, consulte Opções de Configuração de País para Sinalização E1 R2.

Discussões relacionadas da comunidade de suporte da Cisco

A Comunidade de Suporte da Cisco é um fórum onde você pode perguntar e responder, oferecer sugestões e colaborar com colegas.


Informações Relacionadas


Document ID: 12153