WAN : T1/E1 e T3/E3

Solução de Problemas de Eventos de Erro E1

22 Maio 2008 - Tradução Manual
Outras Versões: Versão em PDFpdf | Tradução por Computador (29 Julho 2013) | Inglês (15 Setembro 2005) | Feedback


Índice

Introdução
Pré-requisitos
     Requisitos
     Componentes Usados
     Convenções
Usando os Contadores
     Contador de Seg de Lapso Aumentando
     Segundos de Perda de Quadro Aumentando
     Violações de Código de Linha Aumentando
     Violações de Código de Caminho Aumentando
Verificando as configurações de isdn switch-type e pri-group timeslots
Verificando o Canal de Sinalização
Discussões relacionadas da comunidade de suporte da Cisco

Introdução

Este documento descreve vários eventos de erro que ocorrem em linhas E1 e fornece informações de solução de problemas para corrigi-los. A maioria dos problemas comuns de E1 podem ser resolvidos com o uso deste documento, juntamente com os documentos Solução de Problemas da Camada 1 de E1, Solução de Problemas do Alarme de E1 e Solução de Problemas de PRI de E1.

Pré-requisitos

Requisitos

Não existem requisitos específicos para este documento.

Componentes Usados

As informações neste documento são baseadas no Cisco IOS® Software Release 12.0(7)T.

As informações apresentadas neste documento foram criadas a partir dos dispositivos em um ambiente de laboratório específico. Todos os dispositivos usados neste documento começaram com uma configuração vazia (padrão). Caso esteja trabalhando em uma rede ativa, certifique-se de ter compreendido o possível impacto dos comandos antes de utilizá-los.

Convenções

Para obter mais informações sobre convenções em documentos, consulte Convenções de dicas técnicas da Cisco.

Usando os Contadores

O comando show controller e1 exibe o status do controlador específico ao hardware do controlador. Essas informações são úteis para tarefas de diagnóstico executadas pelo pessoal de suporte técnico. O Módulo de Processador de Rede (NPM) ou Processador de Interface de Multicanal (MIP) podem consultar os adaptadores de porta para determinar seus status do momento.

O comando EXEC show controller e1 também fornece o seguinte:

  • Estatísticas sobre o link E1. Se você especificar um slot e um número de porta, serão exibidas estatísticas para cada período de 15 minutos.

  • Informações para solucionar problemas de camada física e camada de link de dados.

  • Informações de alarme local ou remoto, se houver, na linha E1.

Utilize o comando show controller para verificar se há alarmes ou erros exibidos pelo controlador. Para ver se os contadores de enquadramento, codificação de linhas e erros de segundos de lapso estão aumentando, execute o comando show controller e1 repetidamente. Observe os valores dos contadores para o intervalo atual.

Entre em contato com seu Provedor de Serviços para obter configurações de enquadramento e codificação de linha. HDB3 é o único código de linha definido para linhas E1, enquanto enquadramento CRC4 é muito mais utilizado.

Contador de Seg de Lapso Aumentando

A presença de lapsos na linha E1 indica um problema de temporização. O Customer Premises Equipment (CPE) precisará estar sincronizado com a temporização do provedor de E1 (telco). Realize as etapas a seguir para corrigir esse problema:

  1. Certifique-se de que a fonte de tempo foi derivada da rede. Na saída do comando de EXEC show controller e1, faça com que Fonte de Tempo seja Linha Principal.

    Observação: Se houver várias E1s em um servidor de acesso, apenas uma poderá ser a fonte principal. As outras E1s derivam o tempo da fonte principal. Se houver várias E1s, assegure que a linha E1 designada como fonte de tempo principal esteja corretamente configurada. Você também pode configurar uma segunda linha E1 para fornecer temporização no caso de uma origem principal ser desativada. Para fazer isso, utilize o comando clock source line secondary no modo de configuração do controlador.

  2. Configure a fonte de tempo de E1 no modo de configuração do controlador. Por exemplo:

    bru-nas-03(config-controller)#clock source line
                   

Segundos de Perda de Quadro Aumentando

Siga estas instruções ao lidar com um aumento de segundos de perda de quadro.

  1. Certifique-se de que o formato de quadro configurado na porta coincide com o formato de quadro da linha. Procure por Framing is {crc4|no-crc4} na saída de show controller e1.

  2. Para alterar o formato do enquadramento, utilize o comando framing {crc4|no-crc4} no modo de configuração do controlador. Por exemplo:

    bru-nas-03(config-controller)#framing crc4
                   

Entre em contato com seu Provedor de Serviços e consulte a documentação Comandos do Controlador T1/E1 para obter detalhes sobre configurações exteriores.

Violações de Código de Linha Aumentando

Certifique-se de que a codificação de linha configurada na porta corresponda à codificação de linha da linha. Procure por Line Code is HDB3 na saída de show controller e1.

Se as Violações de Código de Linha continuarem a aumentar, entre em contato com o seu Provedor de Serviços para verificar a linha E1, pois as Violações de Código de Linha também podem ser causadas por problemas de linha física.

Violações de Código de Caminho Aumentando

Certifique-se de que o formato de quadro configurado na porta corresponda ao formato de quadro da linha. Procure por Framing is {crc4|no-crc4} na saída de show controller e1.

Se as Violações de Código de Caminho continuarem a aumentar, entre em contato com o seu Provedor de Serviços para verificar a linha E1, pois as Violações de Código de Caminho também podem ser causadas por problemas de linha física.

Verificando as configurações de isdn switch-type e pri-group timeslots

Utilize o comando show running-config para certificar-se de que isdn switch-type e pri-group timeslots estão configurados corretamente. Para especificar o tipo de switch de sede na interface ISDN, utilize o comando de configuração global isdn switch-type. As opções para este comando incluem primary-net5. Entre em contato com seu Provedor de Serviços para obter os valores corretos a serem utilizados.

Observação: Se você tiver definido grupos PRI de ISDN e grupos de canal no mesmo controlador, certifique-se de não sobrepor timeslots ou utilize o timeslot do canal D de ISDN em um grupo de canal. Consulte Comandos de Configuração Channelized E1 e Channelized T1 para obter mais informações sobre grupos de canal. Ao configurar uma Interface de Taxa Principal (PRI), utilize o comando de configuração global isdn switch-type para configurar o tipo de switch.

Para configurar isdn switch-type e pri-group:

bru-nas-03#configure terminal
bru-nas-03(config)#isdn switch-type primary-net5
bru-nas-03(config)#controller e1 0
bru-nas-03(config-controlle)#pri-group timeslots 1-31
         

Observação: Em alguns países, os provedores de serviços oferecem linhas PRI fracionadas. Isso significa que menos de 30 canais B podem ser usados para conexões ISDN. Para linhas PRI fracionadas, o intervalo de timeslots deve incluir os canais B operacionais, além do canal D (este está fixado no timeslot 16). Por exemplo:

  • Timeslots de grupo PRI 1-10, 16 para os dez primeiros canais B.

  • Timeslots 1-21 para os vinte primeiros canais B.

Verificando o Canal de Sinalização

Se os contadores de erro não aumentarem, mas o problema continuar, realize as seguintes etapas para verificar se o canal de sinalização está ativo e configurado corretamente

  1. Execute o comando show interfaces serial <number>:15, onde o número for a interface number .

  2. Certifique-se de que a interface esteja ativa. Se a interface não estiver ativa, utilize o comando shutdown para ativá-la. Por exemplo:

    bru-nas-03#config terminal
    Enter configuration commands, one per line. End with CNTL/Z.
    bru-nas-03(config)#interface serial 0:15
    bru-nas-03(config-if)#no shutdown
                   
  3. Certifique-se de que o encapsulamento seja PPP. Se não for, utilize o comando encapsulation ppp para configurar o encapsulamento. Por exemplo:

    bru-nas-03(config-if)#encapsulation ppp
                   
  4. Certifique-se de que a interface não esteja no modo loopback. Loopback só deve ser configurado para fins de teste. Utilize o comando no loopback para remover loopbacks. Por exemplo:

    bru-nas-03(config-if)#no loopback
                   
  5. Execute o ciclo reinicialização no roteador.

Se o problema continuar, consulte alguns dos documentos mencionados abaixo e entre em contato com seu Provedor de Serviços ou o Centro de Assistência Técnica da Cisco (TAC).


Discussões relacionadas da comunidade de suporte da Cisco

A Comunidade de Suporte da Cisco é um fórum onde você pode perguntar e responder, oferecer sugestões e colaborar com colegas.


Document ID: 9319