Asynchronous Transfer Mode (ATM) : Sinalização ATM

Compreendendo as mensagens SSCOP nas interfaces do roteador ATM

14 Outubro 2016 - Tradução por Computador
Outras Versões: Versão em PDFpdf | Inglês (22 Agosto 2015) | Feedback


Índice


Introdução

Um protocolo é definido geralmente como as regras de uma comunicação entre dois dispositivos. Um protocolo de sinalização define as regras de uma comunicação entre duas interfaces ATM que estão usando mensagens de sinalização para criar por encomenda ou os Circuitos Virtuais Comutados (SVC) para levar interfaces ATM do ½ do ¿  dos dados do usuário. ï apoiam realmente uma pilha de protocolos de sinalização que inclua mensagens de sinalização do “usuário” do protocolo da interface de rede de usuário (UNI) Q.2931 e de uma camada de adaptação ATM de sinalização especial (SAAL). O SAAL é composto do Service-Specific Connection-Oriented Protocol (SSCOP) e da função da coordenação das específicas do serviço (SSCF).

Claramente, a Sinalização ATM introduz muitos acrônimos, que junto podem fazer o SSCOP parecer complicado quando executam realmente umas tarefas simples — transporte mensagens de sinalização através do UNI.

Uma compreensão do SSCOP pode ser uma ferramenta de Troubleshooting chave ao investigar a razão para alterações de estado do cliente inesperadas do LAN Emulation (LANE). Quando tais mudanças ocorrem, o roteador imprime as mensagens abaixo ao log.

Nota: As linhas de saída abaixo aparecem nas múltiplas linhas devido às limitações de espaço.

Aug 25 18:32:59.973 MEST: %LANE-5-UPDOWN: ATM0.1 elan default: 
 LE Client changed state to down 
Aug 25 18:32:59.981 MEST: %LANE-5-UPDOWN: ATM0.39 elan admin: 
 LE Client changed state to down

Este documento fornece a teoria direta no SSCOP. Usa tabelas simples para descrever as unidades de dados de protocolo SSCOP (PDU), os números de sequência e o ½ que do ¿  dos variáveis de estado. ï apresenta então a saída do comando debug sscop events ilustrar como os PDU, os números e as variáveis aparecem em roteadores Cisco.

Nota: O foco deste documento está nos roteadores Cisco que atuam como o lado do usuário de um UNI. Este documento não discute a sinalização da interface rede a rede (NNI).

Pré-requisitos

Requisitos

Não existem requisitos específicos para este documento.

Componentes Utilizados

Este documento não se restringe a versões de software e hardware específicas.

Convenções

Para obter mais informações sobre convenções de documento, consulte as Convenções de dicas técnicas Cisco.

Compreendendo a pilha de protocolo QSAAL

O ATM é um protocolo e um ½ que do ¿  da pilha de protocolos. ï é importante considerar a ilustração abaixo e notar como três pilhas de protocolos se operam paralelamente em uma sinalização e em um Gerenciamento de redes de apoio da interface ATM. Cada pilha de protocolos fornece uma função diferente à operação bem-sucedida da relação.

Controle o plano Plano de usuário Plano de gerenciamento
Sinalização Q.2931 UNI Voz, vídeo ou dados Interface de gerenciamento local integrada (ILMI)
SAAL ½ DO ¿  SSCFï Camada de Adaptação ATM (AAL) AAL
SSCOP
Subcamada de convergência de parte comum (CPCS)
Camada ATM
Camada física — Hierarquia digital SONET/Synchronous (SDH), DS3, E3, T1, etc.

No plano de usuário, o AAL o mais comum é o AAL5, que fornece um ½ que do ¿  do trailer com 8 bytes. ï O SAAL representa uma variação do ½ do ¿  AAL5.ï o que a faz diferente é um serviço a subcamada de convergência específica (SSCS) que consiste no SSCOP e no SSCF. Este diagrama ilustra estas camadas:

--------------------------------------------- 
|������������� "User Data" Q.2931���������� | 
------------------------------------------------------- 
|�� Service Specific Convergence Sublayer�� |�������� | 
|������� Consists of SSCOP and SSCF�������� |�� SAAL� | 
---------------------------------------------� Layer� | 
|�                    CPCS                � |�������� | 
------------------------------------------------------- 
|�������������������� ATM������������������ | 
--------------------------------------------- 
|�������������������� PHY������������������ | 
---------------------------------------------

As interfaces ATM transmitem mensagens de sinalização “fora da faixa”, ou a parte externa a largura de banda do ½ que do ¿  da conexão de dados regular. ï usam uma conexão virtual permanente dedicada (PVC) configuraram com um tipo de encapsulamento especial Q.2931 SAAL (QSAAL).

Emita o comando pvc vpi/vci em uma interface do ATM Router configurar o QSAAL PVC.

7500-3.4(config)# interface atm 3/0 
7500-3.4(config-if)# pvc 0/5 ? 
� ilmi�� Configure the management PVC for this interface 
� qsaal� Configure the signaling PVC for this interface 
� <cr> 7500-3.4(config-if)# pvc 0/5 qsaal

Os switch ATM Cisco vêm preconfigured com o QSAAL PVC em cada edição do ½ do ¿  da relação. ï o comando show atm vc interface atm confirmar esta configuração padrão.

ls1010-2# show atm vc interface atm 0/0/2 
Interface��� VPI�� VCI�� Type��� X-Interface� X-VPI X-VCI� Encap Status 
ATM0/0/2���� 0���� 5����� PVC���� ATM2/0/0���� 0���� 45��� QSAAL� UP 
ATM0/0/2���� 0���� 16���� PVC���� ATM2/0/0���� 0���� 37��� ILMI�� UP

O SSCOP é definido diversos no ½ que do ¿  das recomendações. ï do Setor de Padronização de Telecomunicação da União de Telecomunicação Internacional (ITU-T) a recomendação Q.2110 fornece a informação a mais relevante pesquisar defeitos a edições SSCOP-relacionadas em interfaces do ATM Router.

  • Q.2100leavingcisco.com — Define a estrutura do SAAL.

  • Q.2110leavingcisco.com — Define o SSCOP como uma entidade de protocolo.

  • Q.2130leavingcisco.com — Define o SSCF para interfaces UNI.

  • Q.2140leavingcisco.com — Define o SSCF para relações NNI.

  • I.363leavingcisco.com — Define os CPC.

Nota: As versões diferentes do uso das relações UNI e NNI do ½ NNI do ¿  SSCF.ï não são discutidas neste documento.

O que é SSCOP?

O SSCOP é um protocolo de transporte que forneça garantido, entrega em sequência das mensagens aos protocolos de sinalização que residem acima dela no ½ de sinalização SSCOP do ¿  da pilha de protocolos. ï igualmente executam o controle de fluxo, os relatórios de erro ao plano de gerenciamento, e uma função de keepalive.

Esta tabela descreve muitas funções importantes que o SSCOP fornece às interfaces ATM:

Função Descrição
Em ordem e entrega confiável dos mensagens de sinalização Os mensagens de sinalização gerados pelo protocolo UNI Q.2931 constituem os “dados do usuário” dentro da pilha de sinalização. O SSCOP preserva a ordem destas mensagens através dos números de sequência e da retransmissão seletiva. Note que o SSCOP não verifica os índices dos mensagens de sinalização eles mesmos.
Controle de fluxo Ajusta limites na taxa em que a interface ATM do par envia mensagens de SSCOP.
Relatórios de erro Detecta e relata os erros na operação do SSCOP próprios.
Manutenção de atividade Trocas mensagem de eleição em um intervalo regular para assegurar-se de que o ambas as extremidades e a conexão próprio permaneçam operacionais e ativos, particularmente durante um período em que nenhum mensagem de sinalização for transmitido.
Recuperação de dados locais Mantém estatísticas (visualizável usando o comando show sscop) nos mensagens de sinalização não ainda “liberados” ou reconhecidos pela interface ATM do par.
Relatório do estado Fornece mensagem que comunicam a informação de status, incluindo a informação ao plano de gerenciamento.

Entendendo o trailer SSCOP

Uso Q.2931 das interfaces UNI ATM como o protocolo de sinalização. O SSCOP acolchoa as mensagens Q.2931 a um múltiplo de 4 bytes e adiciona um reboque da informação SSCOP-específica que é sempre um múltiplo de 4 bytes.

+------------------------------------------------+ 
|� Q.2931 Signalling Messages��� | SSCOP Trailer | 
+---------------------------------------------------------------+ 
|������ AAL5 CPCS Service Data Unit (SDU)������� | AAL5 Trailer | 
+---------------------------------------------------------------+ 

Os índices do trailer de sscop variam com o tipo de PDU, que é descrito na próxima seção, mensagens sscop ou pdus. Este diagrama mostra o formato do trailer de sscop para uma VOTAÇÃO PDU:

--------------------------------------------------- 
| Reserved |���������������� N(PS)��������������� | 
--------------------------------------------------- 
| Reserved | PDU Type |���������� N(S)����������� | 
--------------------------------------------------- 

Mensagens SSCOP ou PDUs

O SSCOP usa 15 tipos de mensagem ou os PDU para executar seu muitos ½ do ¿  das funções. ï o comando show sscop fornecem estatísticas no número de cada PDU enviado e recebido. Neste exemplo de saída, a interface ATM 3/0 enviou e recebido 11 PDU, incluindo 8 a VOTAÇÃO PDU e 1 COMECE O PDU:

7500# show sscop atm 3/0 
SSCOP details for interface ATM3/0 
�� Current State = Active,�� Uni version = 4.0 
�� [output omitted] 
�� Statistics - 
����� Pdu's Sent = 11, Pdu's Received = 11, Pdu's Ignored = 0 
����� Begin = 1/1, Begin Ack = 1/1, Begin Reject = 0/0 
����� End = 1/0, End Ack = 0/1 
����� Resync = 0/0, Resync Ack = 0/0 
����� Sequenced Data = 0/0, Sequenced Poll Data = 0/0 
����� Poll = 8/8, Stat = 8/8, Unsolicited Stat = 0/0 
����� Unassured Data = 0/0, Mgmt Data = 0/0, Unknown Pdu's = 0 
����� Error Recovery/Ack = 0/0, lack of credit 0

Esta tabela agrupa os mensagens de SSCOP baseados na função:

Função Abreviação de mensagem Nome da mensagem Descrição
Estabelecimento do ½ do ¿  de Connectionï BGN Begin Começa o processo da conexão de sscop entre duas interfaces ATM. Inicializa os bufferes do par e transmitir e recebem contadores.
BGAK Comece o reconhecimento Reconhece a solicitação de conexão de peer.
BGREJ Comece a rejeição Rejeita o ½ que do ¿  da solicitação de conexão de peer. ï o par retransmite o BGN PDU e continua a iniciar uma conexão.
Teardown do ½ do ¿  de Connectionï FIM Fim Libera a conexão entre dois dispositivos ATM do par.
ENDAK Reconhecimento do fim Confirma o Release Request.
Resynchronization RS Resynchronization Bufferes de mensagem dos ressincronizars assim como o transmissor e os variáveis de estado ou os contadores do receptor.
RSAK Reconhecimento Resynchronization Reconhece a requisição de resincronização.
Recuperação de erro ER Recuperação de erro Recupera dos erros que ocorrem durante um ½ do ¿  da conexão ativa. ïÂ
ERAK Reconhecimento da recuperação de erro Reconhece o pedido da recuperação de erro.
Transferência assegurada do ½ do ¿  do dataï SD Dados arranjados em sequência Mensagens do “usuário” de transferências do protocolo de sinalização UNI Q.2931 ao par.
VOTAÇÃO Pedido do estado Pede a informação de status sobre o par.
STAT Resposta solicitada do estado Representa uma resposta a um Fornece informação do ½ do ¿  da VOTAÇÃO PDU.ï sobre o recebimento bem-sucedido de SD PDU, o número de sequência da última VOTAÇÃO PDU. Igualmente contém um valor de crédito que indique quanto mais mensagens o par podem ou não podem enviar antes do reconhecimento.
USTAT Resposta não solicitada de status Communicates perdeu ou os PDU de falta que foram detectados analisando os números de sequência em outros PDU.
Transferência de dados não assegurados UD Dados Unnumbered Transmite mensagens do “usuário” entre os pares. Não inclui um número de sequência e pode ser perdido sem notificação.
Transferência de dados de gerenciamento MD Dados de gerenciamento Transmite a informação de gerenciamento ao plano de gerenciamento. Não inclui um número de sequência e pode ser perdido sem notificação.

Nota: A recomendação do ITU-T Q.2110 define um PDU inválido como um PDU que tenha um tipo desconhecido código PDU, não seja alinhado de 32 bits, nem não esteja a um comprimento apropriado para um PDU do tipo indicado.

Temporizadores SSCOP

O SSCOP segue uma máquina de estado, em que o protocolo próprio se move através de diversos estados antes. de um grupo ativo se tornando do ½ A do ¿  ï de cinco controles dos temporizadores (na parte) quando transições SSCOP para uma outra edição do ½ do ¿  do estado. ï o comando sscop no modo de configuração da interface ver estes temporizadores.

7200(config-if)# sscop ? 
�� cc-timer��������� timer (in secs) to send BGN/END/RS/ER pdu at the 
������������������� connection control phase 
�� idle-timer������� timer (in secs) to send poll pdu at the idle phase 
�� keepalive-timer�� timer (in secs) to send poll pdu at the transient 
�������������������� phase 
�� noResponse-timer� timer (in secs) at lease one STAT PDU needs to be 
�������������������� received 
�� poll-timer������� timer (in msecs) to send poll pdu at the active 
�������������������� phase

Esta tabela descreve os cinco temporizadores de sscop:

Cronômetro Descrição Valor padrão
centímetro-temporizador O controle da conexão (centímetro cúbico) é o conjunto de processo usado para estabelecer, liberar-se, ou ressincronizar uma conexão de sscop entre duas interfaces ATM. O temporizador centímetro cúbico ajusta o tempo entre retransmissões do BGN, EXTREMIDADE, ou RS PDU ao esperar um reconhecimento. Os conjuntos de valores MAX-centímetro cúbico o número de novas tentativas. 1 segundo (segundo)
temporizador de ociosidade Se a conexão é estável bastante e não há nenhum mensagem de dados a transmitir e nenhuns reconhecimentos extraordinários, o Switches SSCOP da manutenção de atividade de temporizador ao temporizador roda em marcha lenta. 10 s
temporizador keepalive Controla o tempo máximo entre a transmissão de uma VOTAÇÃO PDU quando nenhum SD PDU é enfileirado para a transmissão ou é reconhecimento pendente. segundo 5
noResponse-temporizador Corridas paralelamente outros a dois temporizadores — o ½ do ¿  da votação e do keepalive. ï ajusta o intervalo de tempo máximo durante que pelo menos um mensagem stat deve ser recebido em resposta a um ½ do ¿  POLL.ï se este temporizador expira, a conexão é tomado para baixo. 45 segundos
votação-temporizador Ajusta o tempo máximo entre transmitir uma VOTAÇÃO PDU quando o SD PDU é enfileirado para a transmissão ou é reconhecimento pendente. 1000 milissegundos (msecs)

Emita o comando show sscop atm ver os valores padrão dos temporizadores de sscop.

7500# show sscop atm 3/0 
SSCOP details for interface ATM3/0 
�� Current State = Idle,�� Uni version = 4.0 
�� Send Sequence Number: Current = 0,� Maximum = 30 
�� Send Sequence Number Acked = 0 
�� Rcv Sequence Number: Lower Edge = 0, Upper Edge = 0, Max = 30 
�� Poll Sequence Number = 0, Poll Ack Sequence Number = 1 
�� Vt(Pd) = 0�� Vt(Sq) = 0 
�� Timer_IDLE = 10 - Inactive 
�� Timer_CC = 1 - Inactive 
�� Timer_POLL = 1000 - Inactive 
�� Timer_KEEPALIVE = 5 - Inactive 
�� Timer_NO-RESPONSE = 45 - Inactive 
�� Current Retry Count = 0, Maximum Retry Count = 10 
���
!--- Output suppressed.

Números da seqüência SSCOP

O processo sscop em uma interface ATM segue dois grupos de números de sequência ou de variáveis de estado, e traça então estes valores em campos no ½ real do ¿  PDUs.ï especificamente, o SD PDU e VOTAÇÃO PDU é sequencialmente e. o ½ independentemente numerado do ¿  ï o transmissor e o receptor mantém os números de sequência como o ½ que do ¿  dos variáveis de estado. ï estas variáveis traçam então em parâmetros reais ou os campos no ½ do ¿  SSCOP PDUs.ï o comando show sscop indicam os valores atual dos números de sequência.

ATM# show sscop 
SSCOP details for interface ATM0 
�� Current State = Active,�� Uni version = 3.1 
�� Send Sequence Number: Current = 79,� Maximum = 109 
�� Send Sequence Number Acked = 79 
�� Rcv Sequence Number: Lower Edge = 93, Upper Edge = 93, Max = 123 
�� Poll Sequence Number = 32597, Poll Ack Sequence Number = 32597 
�� Vt(Pd) = 0�� Vt(Sq) = 1 
�� Timer_IDLE = 10 - Active 
��
!--- Output suppressed.

As seguintes seções descrevem os variáveis de estado e os números reais PDU.

Variáveis de estado no transmissor

Uma interface ATM mantém um grupo de variáveis de estado do lado de transmissão que começam com o VT.

Variável de estado Nome Descrição
VT Envie O número de sequência que incrementa com cada ½ do ¿  SD PDU.ï não incrementa quando o mesmo SD PDU é retransmitido.
VT(PS) A votação envia O número de sequência esse incrementa com cada ½ do ¿  da VOTAÇÃO PDU.ïÂ
VT (A) Reconheça O número de sequência do SD PDU que é esperado ser. ½ em seguida reconhecido do ¿  ï incrementa cada vez que um SD PDU está reconhecido.
VT(PA) A votação reconhece Número de sequência do STAT PDU que é esperado receber em seguida como um reconhecimento ao ½ do ¿  da VOTAÇÃO PDU.ïÂ
VT(MS) O máximo envia O número de sequência o mais alto de um PDU que a relação transmissora possa enviar (e o receptor aceitará) sem recibo de um dos seguintes PDU: USTAT, STAT, BGN, BGAK, RS, RSAK, ER, ou ERAK PDU. Ou seja VT(MS) define o tamanho de janela transmitir. O VT não deve ser mais alto do que VT(MS).
VT(PD) Dados de pesquisa Número de SD PDU transmitido entre dois a VOTAÇÃO PDU. Incrementos em cima da transmissão de um SD PDU e restaurações a zero em cima da transmissão de uma VOTAÇÃO PDU.
VT(CC) Controle da conexão Número de BGN desconhecido, de EXTREMIDADE, de ER, ou de RS PDU. Se a interface ATM envia uma EXTREMIDADE PDU em resposta a um erro de protocolo, o SSCOP move-se diretamente para o estado ocioso e não se incrementa o valor VT(CC).
VT(SQ) Sequência de conexão do transmissor Identifies retransmitiu o BGN, ER, e o ½ do ¿  RS PDUs.ï é inicializado a zero quando o processo sscop começa e traçou então em N(SQ).

Variáveis de estado no receptor

Uma interface ATM mantém um grupo de variáveis de estado do lado de recepção que começam com o VR.

Variável de estado Nome Descrição
VR (R) Recepção O número de sequência do SD seguinte PDU que o receptor espera. o ½ do ¿  ï ele é incrementado em ordem quando essa mensagem é considerada.
VR (H) Esperado o mais altamente O número de sequência esperado o mais alto em um SD PDU. Atualizado da mensagem seguinte SD ou de VOTAÇÃO e deve aproximadamente ser igual ao par VT.
VR(MR) O máximo recebe O número de sequência o mais alto em um SD PDU que o receptor aceite. Ou seja o receptor permitirá até VR(MR) – 1, e então rejeita todo o SD PDU com um ½ mais alto do ¿  do número de sequência. ï que atualiza VR(MR) é implementação dependente.
VR(SQ) Sequência de conexão do receptor Usado para identificar retransmitiu o BGN, ER, e ½ do ¿  RS PDUs.ï quando uma interface ATM recebe um destes PDU, compara o valor N(SQ) com seu próprio valor VR(SQ). Se os dois valores são diferentes, o PDU está processado como uma mensagem nova. Se os dois valores são iguais, o PDU está identificado como uma retransmissão.

Variáveis de estado traduzidos em parâmetros de PDU

Os variáveis de estado de recebimento e de transmissão são traduzidos ou traçados em parâmetros reais de PDU com nomes levemente diferentes. Esta tabela mostra os parâmetros de PDU e o variável de estado de que são derivados:

Parâmetro Traçado de Descrição
N(SQ) VR(SQ) O número de sequência de conexão levou dentro um BGN, um RS, ou um ER PDU. Usado com o VR(SQ) contra no receptor para identificar algumas retransmissões destes PDU.
N VT O número da sequência de envio levou dentro cada SD ou VOTAÇÃO PDU e incrementou-os com cada PDU novo, NON-retransmitido.
N(PS) VT(PS) Levado dentro uma VOTAÇÃO PDU e STAT de harmonização PDU para correlacionar junto as duas mensagens.
N (R) VR (R) O número de sequência de recepção levou dentro ½ de um ¿  STAT ou USTAT PDU.ï enviado pelo dispositivo de peer ao reconhecer o recibo de uns ou vários mensagens de sinalização.
N(MR) VR(MR) Levado dentro os seguintes PDU: O STAT, USTAT, RS, RSAK, ER, ERAK, BGN, ½ do ¿  BGAK.ï indica que o número de permanecer recebe créditos e se o par pode enviar um outro ½ do ¿  da mensagem. ï por exemplo, um valor N(MR) de 5 significa que o par pode enviar até 5 PDU sem esperar uma resposta.

Exemplo de debug

A saída abaixo foi gerada emitindo o comando debug sscop event atm 3/0 em um 7500 Series Router com um ½ que do ¿  PA-A3.ï os comentários no azul são usados para interpretar o resultado do debug.

*Mar 21 03:18:43.440: SSCOP(ATM3/0): i Begin pdu, Idle state, length = 8 
*Mar 21 03:18:43.440: SSCOP(ATM3/0): Rcv Begin in Idle State 
*Mar 21 03:18:43.440: SSCOP(ATM3/0): receive window in Begin Pdu = 30 
*Mar 21 03:18:43.440: SSCOP(ATM3/0): o Begin Ack pdu, Idle state, rcv window v(mr) = 30 

!--- A BEGIN PDU is received by the router, which responds with a BEGIN ACK PDU.
!--- The window size V(MR) is initialized to 30. 

*Mar 21 03:18:43.440: SSCOP(ATM3/0): state changed from Idle to Active 
*Mar 21 03:18:47.968: SSCOP(ATM3/0): o Poll pdu, state = Active, n(s) = 0, n(ps) = 1 
*Mar 21 03:18:47.968: SSCOP(ATM3/0): i Stat pdu, Active state, length = 12 
*Mar 21 03:18:47.968: SSCOP(ATM3/0): Rcv Stat in Active State 
*Mar 21 03:18:47.968: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: ps 1, nmr 30, nr 0 
*Mar 21 03:18:47.968: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: vtPa 1, vps 1 
*Mar 21 03:18:47.968: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: vta 0, vts 0 
*Mar 21 03:18:47.968: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: listCount = 0 - normal 

!--- This is the first outbound POLL PDU and inbound STAT PDU.
 
*Mar 21 03:18:48.040: SSCOP(ATM3/0): * Poll pdu, ns = 0, nps = 1 
*Mar 21 03:18:48.040: SSCOP(ATM3/0): o Stat pdu, n(r) = 0, n(mr) = 30, n(ps) = 1 

!--- The "*" indicates an inbound POLL PDU from the attached ATM switch. 
!--- The router responds with an outbound STAT PDU. 

*Mar 21 03:18:57.292: SSCOP(ATM3/0): o Poll pdu, state = Active, n(s) = 0, n(ps) = 2 
*Mar 21 03:18:57.292: SSCOP(ATM3/0): i Stat pdu, Active state, length = 12 
*Mar 21 03:18:57.292: SSCOP(ATM3/0): Rcv Stat in Active State 
*Mar 21 03:18:57.292: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: ps 2, nmr 30, nr 0 
*Mar 21 03:18:57.292: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: vtPa 1, vps 2 
*Mar 21 03:18:57.292: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: vta 0, vts 0 
*Mar 21 03:18:57.292: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: listCount = 0 - normal 

!--- This is the second outbound POLL PDU and inbound STAT PDU. N(PS) and V(PS) 
!--- increment to 2. 

*Mar 21 03:18:58.004: SSCOP(ATM3/0): * Poll pdu, ns = 0, nps = 2 
*Mar 21 03:18:58.004: SSCOP(ATM3/0): o Stat pdu, n(r) = 0, n(mr) = 30, n(ps) = 2 
*Mar 21 03:19:06.812: SSCOP(ATM3/0): o Poll pdu, state = Active, n(s) = 0, n(ps) = 3 
*Mar 21 03:19:06.812: SSCOP(ATM3/0): i Stat pdu, Active state, length = 12 
*Mar 21 03:19:06.812: SSCOP(ATM3/0): Rcv Stat in Active State 
*Mar 21 03:19:06.812: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: ps 3, nmr 30, nr 0 
*Mar 21 03:19:06.812: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: vtPa 2, vps 3 
*Mar 21 03:19:06.812: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: vta 0, vts 0 
*Mar 21 03:19:06.812: SSCOP(ATM3/0): processStatPdu: listCount = 0 - normal 
*Mar 21 03:19:07.228: SSCOP(ATM3/0): * Poll pdu, ns = 0, nps = 3 
*Mar 21 03:19:07.228: SSCOP(ATM3/0): o Stat pdu, n(r) = 0, n(mr) = 30, n(ps) = 3 

!--- This is the third outbound POLL PDU and inbound STAT PDU. N(PS) and V(PS)  
!--- increment to 3.�N(MR) remains at 30.�N(S), VT(S), and VT(A) remain at 0 since 
!--- no sequenced Q.2931 "user" data is being transmitted.

O resultado do debug captura os mensagens de SSCOP enviados durante o estabelecimento de conexão e como parte da captação simultânea do ½ A do ¿  do mecanismo keepalive. ï do comando show sscop atm quando os comandos debug executavam as mostras que incrementam valores para os Pdu enviados e os Pdu recebidos, assim como para a votação e o Stat.

7500# show sscop atm 3/0 
SSCOP details for interface ATM3/0 
�� Current State = Active,�� Uni version = 4.0 
�� Send Sequence Number: Current = 0,� Maximum = 30 
�� Send Sequence Number Acked = 0 
�� Rcv Sequence Number: Lower Edge = 0, Upper Edge = 0, Max = 30 
�� Poll Sequence Number = 6, Poll Ack Sequence Number = 6 
�� Vt(Pd) = 0�� Vt(Sq) = 1 
�� Timer_IDLE = 10 - Active 
�� Timer_CC = 1 - Inactive 
�� Timer_POLL = 1000 - Inactive 
�� Timer_KEEPALIVE = 5 - Inactive 
�� Timer_NO-RESPONSE = 45 - Inactive 
�� Current Retry Count = 0, Maximum Retry Count = 10 
�� AckQ count = 0, RcvQ count = 0, TxQ count = 0 
�� AckQ HWM = 0,� RcvQ HWM = 0, TxQ HWM = 0 
�� Local connections currently pending = 0 
�� Max local connections allowed pending = 0 
�� Statistics - 
����� Pdu's Sent = 9, Pdu's Received = 9, Pdu's Ignored = 0 
����� Begin = 1/1, Begin Ack = 1/1, Begin Reject = 0/0 
����� End = 1/0, End Ack = 0/1 
����� Resync = 0/0, Resync Ack = 0/0 
����� Sequenced Data = 0/0, Sequenced Poll Data = 0/0 
����� Poll = 6/6, Stat = 6/6, Unsolicited Stat = 0/0 
����� Unassured Data = 0/0, Mgmt Data = 0/0, Unknown Pdu's = 0 
����� Error Recovery/Ack = 0/0, lack of credit 0 

7500# show sscop atm 3/0 
SSCOP details for interface ATM3/0 
�� Current State = Active,�� Uni version = 4.0 
�� Send Sequence Number: Current = 0,� Maximum = 30 
�� Send Sequence Number Acked = 0 
�� Rcv Sequence Number: Lower Edge = 0, Upper Edge = 0, Max = 30 
�� Poll Sequence Number = 7, Poll Ack Sequence Number = 7 
�� Vt(Pd) = 0�� Vt(Sq) = 1 
�� Timer_IDLE = 10 - Active 
�� Timer_CC = 1 - Inactive 
�� Timer_POLL = 1000 - Inactive 
�� Timer_KEEPALIVE = 5 - Inactive 
�� Timer_NO-RESPONSE = 45 - Inactive 
�� Current Retry Count = 0, Maximum Retry Count = 10 
�� AckQ count = 0, RcvQ count = 0, TxQ count = 0 
�� AckQ HWM = 0,� RcvQ HWM = 0, TxQ HWM = 0 
�� Local connections currently pending = 0 
�� Max local connections allowed pending = 0 
�� Statistics - 
����� Pdu's Sent = 10, Pdu's Received = 10, Pdu's Ignored = 0 
����� Begin = 1/1, Begin Ack = 1/1, Begin Reject = 0/0 
����� End = 1/0, End Ack = 0/1 
����� Resync = 0/0, Resync Ack = 0/0 
����� Sequenced Data = 0/0, Sequenced Poll Data = 0/0 
����� Poll = 7/7, Stat = 7/7, Unsolicited Stat = 0/0 
����� Unassured Data = 0/0, Mgmt Data = 0/0, Unknown Pdu's = 0 
����� Error Recovery/Ack = 0/0, lack of credit 0

Informações Relacionadas


Document ID: 10505